Search
Close this search box.

Conversas Emergentes

bola quadrado

Conversas Emergentes dedica-se a dialogar e refletir sobre a criação e programação das artes performativas para o público jovem. Integrada no programa da Bienal Cultura Educação – retrovisor: uma história do futuro, a iniciativa é uma parceria da Caótica com o Plano Nacional das Artes. Numa tentativa de mapear as artes performativas para o público jovem no território português, o projeto desdobrou-se em conversas e laboratórios que percorreram o país entre maio e julho de 2023 e que, por sua vez, são fruto de uma série de residências ocorridas entre janeiro e abril do mesmo ano. As residências tiveram o objetivo de identificar temas e preocupações transversais ao setor e serviram de impulso para construir a programação das Conversas Emergentes em Torres Vedras, Évora, Viseu, Loulé, Braga e Ponta Delgada. Todos os encontros juntaram artistas, mediadores, professores, programadores e outros diversos agentes culturais e pessoas que falam, que escutam e que interferem localmente no setor.

Em 2024 será lançado o livro-documentário do projeto, realizado por Caroline Bergeron e António-Pedro, e escrito pelo sociólogo Rui Telmo Gomes.

Concepção Caroline Bergeron e Sara Franqueira

Mediação Sara Franqueira

Apoios República Portuguesa–Cultura / Direcção-Geral das Artes, Plano Nacional das Artes,Câmara Municipal de Torres Vedras, Câmara Municipal de Loulé, Câmara Municipal de Évora, CâmaraMunicipal deViseu, Câmara Municipal de Braga e a Câmara Municipal de Ponta Delgada.